Como o Marketing de Performance pode aumentar o retorno sobre o investimento

DESCUBRA COMO UM FUNIL DE VENDAS PODE AJUDAR A RECUPERAR CLIENTES QUE DESISTIRAM DO CONTATO

Mais vendas, menos custos, mais vendas, menos custos! É assim que as empresas vivem hoje (e sempre viveram).

Em um mundo que vive na busca constante por melhoria de desempenho, precisando gerar mais resultados e reduzir os custos, o Marketing de Performance vem para ajudar as empresas a atingir essas metas. Mas o que ele tem de tão diferente do Marketing comum?

No Marketing de Performance, todas as ações, estratégias e táticas são feitas com o objetivo final de gerar mais resultados. Muito usado no mundo do Marketing Digital, ele ajuda na estratégia correta da empresa, para evitar custos desnecessários.

Cada ação do Marketing de Performance é pensada visando um objetivo final, seja ele uma venda, um contato telefônico, ou qualquer outra meta que gere um resultado final esperado pela empresa. Por se tratar de ações digitais, o Marketing de Performance é mensurável, ou seja, você sabe exatamente o retorno que terá sobre o investimento.

O Marketing de Performance é diretamente ligado ao ROI (retorno sobre investimento). Todo seu foco é em reduzir os custos e melhorar os resultados. Existem diversas formas diferentes de se aumentar o ROI usando o Marketing de Performance. Um dos primeiros passos é usando um funil de conversões. Com um funil a empresa consegue identificar em que etapa está perdendo clientes e já tem insumos para tomar decisões afim de reduzir essas perdas.

Listo abaixo 5 etapas para se montar um funil de conversões básico que o ajudará a encontrar onde sua empresa está perdendo clientes:

  1. Definir uma meta final

  2. Definir como seu cliente irá se engajar

  3. Definir como irá encontrar os clientes

1. Definir uma meta final

 Esta é a etapa principal, o que será contabilizado para sua empresa como uma meta concluída? Um email de interesse, uma ligação, uma venda? Vamos criar um exemplo de alguém que trabalhe como encanador. O objetivo desse encanador será um email de contato. Para isso ele criou um formulário de contato. Cada formulário enviado será contabilizado como uma meta atingida. Lembrando que esse é apenas um funil básico, futuramente podemos criar funis mais complexos.

 Definido que a meta dele será um formulário de contato preenchido, ele precisará que os seus clientes preencham o formulário. Essa será a etapa de como o cliente irá se engajar.

2. Definindo como o cliente irá se engajar

 Sabemos que o cliente precisará preencher um formulário para gerar um contato certo? Então esse funil já tem 2 etapas: Preencher o formulário e enviar o formulário. A partir daqui o Marketing de Performance já tem trabalho à fazer. Vamos supor que 100 pessoas visualizaram o formulário e dessas 100 pessoas, apenas 5 enviaram um contato. Nosso funil então mostra que tivemos uma taxa de conversão de 5% e, consequentemente, uma perda de 95%. Como o Marketing de Performance vai ajudar? O responsável pela performance terá como objetivo reduzir essa perda, para que a cada cliente que entre, não desista de preencher o fomrulário. Primeiro devemos descobrir porquê esses 95% não preencheram o formulário. Algumas opções poderiam ser:

  • Formulário ter um problema técnico e não está enviando o contato

  • Excesso de campos no formulário como endereço, CPF, RG, etc

  • Formulário visualmente pouco atrativo

  • Página do formulário com poucas informações não dizendo do que se trata o assunto

 É principalmente nessas trocas de etapas que o Marketing de Performance atua, descobrindo porque está havendo a perda e indicando como corrigir, afinal de nada adianta encontrar o problema e não indicar a solução.

 Mas para o cliente chegar ao formulário, ele precisa vir de algum lugar, do google, facebook, propaganda em alguma revista, seja onde for. E é aí que entra a etapa 3.

3. Definir como irá encontrar os clientes

Essa é uma tarefa extremamente importante do Marketing de Performance, trazer clientes qualificado para o site.

O objetivo aqui é trazer um grande volume de clientes ao menor custo possível. Teste diferentes canais, diferentes formas.

No início de uma campanha a tendência é que venha muito tráfego desnecessário, clientes com pouco ou sem nenhum interesse. A função da equipe de performance aqui é otimizar. Por sinal, otimizar é uma das palavras-chave do Marketing de Performance, nada é tão bom que não possa melhorar.

Concluindo

Toda empresa busca otimizar os seus investimentos, para isso uma das tarefas do Marketing de Performance é criar um funil de vendas, para encontrar onde o cliente está saindo e desistindo do contato. Quanto mais detalhado e mais etapas tiver o funil, mais informações a equipe de perfomance terá para trabalhar.

O Marketing de Performance deve trabalhar principalmente nas mudanças de etapa do funil, buscando melhorar a quantidade de clientes que passam para a próxima etapa, e reduzindo os custos para a aquisição desses clientes. Fazendo isso você verá que o Marketing de Performance é um excelente aliado na hora de aumentar o seu retorno sobre o investimento.

Esse foi apenas um resumo geral de como aumentar o retorno sobre o investimento usando um funil de conversão, para mais informações teremos outros posts explicando cada etapa do funil, como adquirir clientes à custos menores e muitas outras estratégias de Marketing de Performance.

Espero que tenham gostado e muito obrigado pela leitura!

Segmentando anúncios geograficamente

Como atrair clientes usando a segmentação geográfica

Um dos grandes befícios do marketing digital é a possibilidade de segmentar seus anúncios geograficamente.

A segmentação de anúncios geograficamente pode te ajudar a encontrar um cliente que fica na sua cidade ou cidades próximas, ou ainda encontrar clientes em uma determinada região para fazer uma promoção ou qualquer que seja o seu objetivo.

Existem diversas maneiras de se fazer um anúncio segmentando geograficamente como google, facebook, twitter e muitos outros. Vamos abordar aqui esses 3 principais canais e como tirar o melhor proveito deles.

Segmentando anúncios geograficamente no Google

Quando falamos de Google é sempre bom lembrar que temos 3 principais anúncios: Links Patrocinados, Rede Display e Google Shopping. Vamos falar sobre cada um dessas 3 ferramentas.

Segmentando anúncios geograficamente nos Links Patrocinados

Que o Google é o sistema de busca mais usado, todo mundo já sabe, mas você sabia que é possível fazer anúncios diferentes para cidades ou estados diferentes? Ou ainda melhorar o posicionamento do seu anúncio em determinadas regiões que sejam mais importantes para você e seu negócio? Veja como é fácil.

Quando criamos uma campanha de Links Patrocinados no Google Adwords, nós temos a opção de segmentação geográfica. Ao segmentar uma determinada região em uma campanha, apenas as pessoas situadas nessa região irão ver o seu anúncio. Por exemplo, você pode criar uma campanha específica para pessoas que estão na cidade do Rio de Janeiro e outra com anúncios diferentes para pessoas que estão na cidade de São Paulo.

Outra forma de se usar a segmentação geográfica, mas que é pouco usada, é alterar o CPC máximo para determinadas regiões. Isso faz com que o anúncio possa aparecer em uma posição superior aos demais.

Por exemplo, vamos supor que sua empresa de serviços de manutenção em elevadores seja da cidade de São José dos Campos em São Paulo. A sua empresa presta serviços em São José dos Campos, mas devido à proximidade da capital São Paulo, você também prestar serviços nessa cidade.

Você pode segmentar ambas as cidades em sua campanha e ajustar para que quando a busca for feita em São José dos Campos o seu lance de clique seja maior, fazendo com que o seu anúncio melhore o posicionamento. É uma forma de dar mais destaque na região mais importante para seu negócio, mas sem perder outras oportunidades.

Segmentando anúncio geograficamente na rede Display do Google

A rede display são aqueles banners que aparecem em sites, blogs, portais, etc. Esses banners podem ser segmentados geograficamente, para que você alcance as regiões de seu maior interesse.

As possibilidades para a segmentação geográfica de banners são as mesmas que os links patrocinados, podendo criar campanhas separadas para diferentes cidades ou apenas dar lances diferentes para determinadas regiões.

Segmentando anúncios geograficamente no Facebook

O Facebook tem diversas formas de segmentação, como por interesse, comportamento do usuário e claor, a segmentação geográfica.

Ao criar uma campanha no Facebook, você pode configurar em que cidade, estado ou país seu anúncio será exibido. Essa configuração é feita nos ajustes do anúncio.